COMO AUMENTAR SUA DOPAMINA.

VOCÊ  PODE  ESTAR  USANDO   ANTI DEPRESSIVO  DESNECESSARIAMENTE!!!

Alimentos que aumentam a Dopamina

 

A dopamina é feita a partir do aminoácido tirosina que vem a partir da fenilalanina. Comer uma dieta rica em tirosina irá garantir que você tenha os blocos básicos de construção, necessários para a produção da dopamina.

Alimentos ricos em tirosina:

  • Todos os produtos de origem animal
  • Amêndoas
  • Maçãs
  • Abacate
  • Bananas
  • Beterrabas
  • Cacau
  • Café
  • Favas
  • Vegetais de folhas verdes
  • Chá verde
  • Feijão
  • Farinha de aveia
  • Vegetais marinhos
  • Gergelim
  • Sementes de abóbora
  • Cúrcuma
  • Melancia
  • Gérmen de trigo

Alimentos ricos em probióticos naturais, como iogurte natural, kefir, e chucrute cru também podem aumentar a produção da dopamina natural.

De forma peculiar, a saúde de sua flora intestinal afeta sua produção de neurotransmissores. Uma superabundância de bactérias nocivas deixa subprodutos tóxicos chamados lipopolisacarídeos que reduzem os níveis de dopamina.

O açúcar foi relacionado com o aumento da dopamina, mas este é um aumento temporário, mais do tipo eliciado pela droga do que pela comida. CUIDADO  COM   ACÚCAR-  ELE É  TOTALMENTE  INFLAMTÓRIO.

Suplementos de Dopamina

Existem suplementos que podem aumentar os níveis de dopamina naturalmente.

  • A curcumina é o ingrediente ativo na especiaria cúrcuma. Ela está disponível de forma isolada como um suplemento podendo ser manipulada ou encontrada facilmente em lojas de suplementos. A curcumina foi relacionada ao alívio das ações obsessivas e melhora da perda de memória associada, ao aumentar a dopamina.
  • Ginkgo biloba é tradicionalmente usada para uma variedade de problemas relacionados ao cérebro – falta de concentração, esquecimento, dores de cabeça, fadiga, confusão mental, depressão e ansiedade.  Um dos mecanismos pelos quais a ginkgo funciona é através do aumento de dopamina. (
  • L-teanina é um componente encontrado no chá verde. Ele aumenta os níveis de dopamina, juntamente com outros neurotransmissores como serotonina e GABA. A L-teanina melhora memória, aprendizagem e humor. Você pode obter o seu incremento de dopamina, tomando suplementos de L-teanina ou bebendo três xícaras de chá verde por dia.
  • Fosfatidilserina atua como “porteiro” do seu cérebro, regulando nutrientes e resíduos que entram e saem de seu cérebro. Pode aumentar os níveis de dopamina e melhorar a memória, a concentração, aprendizagem e TDAH.
  • L-Tirosina/ L-Fenilalanina: aminoácidos precursores da dopamina que também podem ser manipulados e usados diariamente, se necessário. Recomenda-se tomar acetil-L-tirosina – uma forma mais absorvível que atravessa facilmente a barreira hematoencefálica.
  • Mucuna: Seus componentes de princípio são L-DOPA e os alcaloides bioativos mucunine, mucunadina, mucuadinina, prurienina e nicotina como também beta-sitosterol, glutationa,  lipídios, ácidos venólico e gálico. A L-Dopa é uma precursora neurotransmissora, uma droga efetiva para alívio na doença de Parkinson. A semente é um profilático contra oligospermia sendo útil no aumento da contagem de esperma, ovulação em mulheres, etc. É uma planta proveniente da Índia, reconhecida pelas suas propriedades afrodisíacas. Estimula também a deposição de proteínas nos músculos e aumenta a força e a massa muscular. Aumenta os níveis de L-Dopa, um inibidor da somatostatina. O seu extrato é também conhecido por estimular o estado de alerta e melhorar a coordenação. Pode ser usada nas seguintes situações:

1. Para doença de Parkinson (contém L-dopa natural).

2. Para impotência e disfunção erétil.

3. Como afrodisíaco e para aumentar a testosterona.

4. Como anabólico e androgênio, fortalecendo os músculos e ajudando a estimular o hormônio do crescimento.

5. Ajudando na perda de peso.

 

Dopamina E Exercícios

O exercício físico é uma das melhores coisas que você pode fazer para o seu cérebro. Ele aumenta a produção de novas células cerebrais, retarda o seu envelhecimento e melhora o fluxo de nutrientes para o cérebro. Ele também pode aumentar seus níveis de dopamina e os neurotransmissores do “bem-estar”, serotonina e noradrenalina.

A dopamina é responsável, em parte, pela elevada experiência dos corredores profissionais. Mas você não precisa se exercitar vigorosamente para aprimorar seu cérebro. Fazer caminhadas ou exercícios suaves, sem impacto como yoga, tai chi, ou qi gong produzem poderosos benefícios para a mente e o corpo.

 Dopamina E  Meditação

Os benefícios da meditação têm sido comprovados em mais de 1.000 estudos.  Meditadores regulares experimentam elevada capacidade de aprender, aumento da criatividade, e relaxamento profundo. Tem sido demonstrado que a meditação aumenta a dopamina, melhorando o foco e a concentração.

Passatempos manuais de todos os tipos – tricô, costura, desenho, fotografia e reparos domésticos concentram o cérebro de forma semelhante à meditação. Essas atividades aumentam a dopamina, afastam a depressão e protegem contra o envelhecimento do cérebro.

Ouvir música pode causar de liberação de dopamina. Estranhamente, você não tem sequer que ouvir a ouvir música para obter este neurotransmissor, que flui apenas pela antecipação da escuta.

SER  FELIZ   AMAR  A  SI MESMO É SEM  DÚVIDA    O PRINCIPAL MÉTODO DE  SE  AUMENTAR  A DOPAMINA.

ESTAMOS  A  DISPOSIÇÃO   AQUI  EM  UBERLÂNDIA  MINAS  GERAIS  PARA  LHE  AJUDAR

PROCURE  E  SAIBA MAIS  EM   34  991332797.